Eventos

INCLUSÃO

Durante a II Semana Integrada das Faculdades Ites, o curso de Pedagogia promoveu atividades relacionadas ao processo de inclusão. A coordenação foi realizada pela aluna Leidjane Alves dos Santos que recebeu durante o evento os convidados: professor de libras Leandro Marcello Gregório, Aline Nunes, Priscila Roberto Gregório, Fábio Inagake, Vandeilson da Silva Alves, Keila Taina e Felipe Machado, todos deficientes auditivos.

Durante a semana foram desenvolvidas dinâmicas de grupo e atividades relacionadas ao cotidiano das pessoas que se comunicam através da Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS) e houve grande participação da comunidade acadêmica. Abaixo seguem textos escritos pelo Prof. Leandro.

Parabéns pela excelente iniciativa.

 Texto escrito de acordo com normas da Língua Portuguesa

Inclusão

Sejam bem-vindos sobre a Inclusão.

A importância da Inclusão são aquelas pessoas com deficiência (Cegos, Surdos, Down, etc) por serem pessoas esforçadas a aprender, estudar e viver a realidade dura, mesmo estando diante das dificuldades porque somos da minoria na sociedade brasileira como pessoas diferentes.

Como Paulo Freire dizia: “A Inclusão acontece quando se aprende com as diferenças e não com as igualdades”.

Ser Surdo é saber que pode falar com as mãos e aprender uma língua através dessa, é conviver com pessoas que, em um universo de barulhos, encontram-se com pessoas que estão percebendo o mundo, principalmente pela visão, e isso faz com que eles sejam diferentes e não necessariamente deficientes.

A palavra “cultura” possui vários significados.

Relacionando esta palavra ao contexto de pessoas surdas, ela representa identidade porque pode-se afirmar que estas possuem uma cultura uma vez que tem uma forma de aprender o mundo que os identificam como tal.

A diferença está no modo de aprender o mundo, que gera valores, comportamento comum compartilhado e tradições, sendo chamado de “Cultura Surda”.

Pode-se falar de bilinguismo social e individual, o primeiro é quando uma comunidade, por algum motivo precisa utilizar duas línguas, o segundo é a opção de um indivíduo para aprender outra língua além da sua materna.

Geralmente os membros das minorias linguísticas se tornam indivíduos bilíngues por estarem inseridos em comunidades linguísticas que utilizam línguas distintas.

Uma escola somente para surdos que vem implementando uma proposta bilíngue para a educação dos surdos, ou seja: aquisição da LIBRAS e aprendizado, com metodologia apropriada, da Língua Portuguesa e da Língua de Sinais Brasileira.

Uma política educacional que leve em conta a realidade e tradição dos surdos no Brasil poderá reverter o atual quadro de insatisfação, em relação à qualidade da educação para surdos, que prevalece nas comunidades surdas.

 

Texto escrito de acordo com normas da Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS)

INCLUSÃO

BEM-VIND@ INCLUSÃO

IMPORTANTE INCLUSÃO PESSOAS COM DEFICIÊNCIA (CEG@SSURD@S DOWN) PESSOAS ESFORÇAR APRENDER ESTUDAR VIVER VERDADE DUR@ MESM@ DIFICULDADES SOMOS MINORIA SOCIEDADE BRASILEIR@ COMO PESSOAS DIFERENTES.

PAULO FREIRE FALAR “QUANDO INCLUSÃO ACONTECER SE APRENDER COM DIFERENÇAS IGUALDADES NÃO”.

SER SURD@ É SABER FALAR COM MÃOS APRENDER LÍNGUA-1 CONVIVER COM PESSOAS UNIVERSO BARULHOS ENCONTRAR PESSOAS PERCEBER MUNDO PRINCIPALMENTE VISÃO FAZER EL@S DIFERENTES DEFICIENTES NÃO.

PALAVRA “CULTURA” VÁRI@S SIGNIFICADOS TER.

PESSOAS SURD@S CONTEXTO PALAVRA ESTA MOSTRAR IDENTIDADE PORQUE TER CULTURA TER JEITO APRENDER MUNDO IDENTIFICAR.

DIFERENÇA TER JEITO APRENDER MUNDO VALORES COMPARTILHAR COMPORTAMENTO COMUM TRADIÇÕES NOME “CULTURA SURDA” TER.

FALAR BILINGUISMO SOCIAL INDIVIDUAL PODER PRIMEIR@ É QUANDO COMUNIDADE ALGUM MOTIVO PRECISAR USAR LÍNGUAS-2 SEGUND@ É ESCOLHA PESSOA APRENDER LÍNGUA OUTR@ LIBRAS TER.

PESSOAS MAIORIA MINORIAS LÍNGUÍSTIC@S PESSOAS TORNAR BILÍNGUES JÁ DENTRO COMUNIDADES LÍNGUÍSTICAS LÍNGUAS USAR.

ESCOLA UM@ SÓ SURD@S VIR LUTAR PROPOSTA BÍLINGUE EDUCAÇÃO SURD@S OU É ADQUIRIR LIBRAS APRENDIZAD@ COM METODOLOGIA PRÓPRI@ LÍNGUA PORTUGUES@ LIBRAS.

POLÍTICA EDUCACIONAL PRECISAR VER VERDADE SURD@S BRASIL TRADIÇÃO QUADRO ATUAL RUIM MUDAR PODER VER QUALIDADE EDUCAÇÃO SURD@S COMUNIDADES SURD@S PREVALECER.

 

Faculdades ITES



Praça Dr. Horário Ramalho, 159 - Centro - Taquaritinga/SP, 15900-000

(16) 3253 8200

secretaria@ites.com.br

Fale conosco

Nome:*
E-mail*
Mensagem:*